Amor e vitórias

Por paulohenrique

Estar dentro de um hospital durante uma vida toda não limita sua maneira de pensar. Claro que em meio a um universo de extrema atenção ao próximo e gemidos de dores, existem regras as quais podem sim, limitar sua ação.

Vivi muito tempo nas amarras de uma educação quase de um convento de freiras nos primórdios da inocência humana. Claro que de inocente nada existe mas os “não” e “você jamais pode isso” foram bem constantes, a ponto de até hoje fazerem parte de meu modo de agir.

Como um animal acuado, sempre temo, de repente, enfrentar de maneira irracional certas situações que a vida me impõe, portanto, procuro a todo custo meios de observar antes de agir, e sempre ser coerente naquilo que vem em minha mente. É óbvio, das chances que tenho, essas saem 99% falhas.

Hoje estou feliz, estou namorando. Ela se chama Shirley, uma linda e abençoada mulher. Temos medo do mundo, dos olhares que nos cercam, que nos julgam, mas eu, sendo sincero, devo ir em frente na realização de meus sonhos, e estar com alguém a quem tanto amo é um deles.

Isso, de certa maneira, nos transforma. A mim, por exemplo, me faz querer dar flores, amores, e a cada instante penso nela como a flor mais linda do meu jardim. Dá uma certa timidez, ainda mais no tempo de hoje, onde acredito que este tipo de romantismo está cada vez mais extinto.

Eu mesmo não largo mão da tecnologia que me cerca, pois ela também me aproxima de minha amada. Daqui a pouco mesmo, como nesse momento, quero saber como ela está, o que está fazendo, e dizer que a amo.

Eu sou assim. Cresci aprendendo que é assim que se deve amar uma mulher. Mas, em certos pontos, fui vítima de rejeições as quais tenho certeza que todos nós passamos. Mas, estamos vivos, estou aqui entre vocês e hoje posso dizer que estou amando e sendo muito amado.

Hoje, penso em flores, uma suave música tocando ao fundo, e tudo acontecendo na mais perfeita harmonia.

Sabe? Eu sempre desejo a todos muita alegria, que por menor que ela seja, coloque em sua boca, e sinta o doce sabor do mel. Claro, por se tratar de uma gota, logo acaba o seu paladar mas, acredite, não é o único sabor da vida. A todo instante sentimos o sabor do fel, e esse sempre nos oferece o desgosto. Quando menos esperamos, um sabor suave e gostoso vem ao nosso encontro, e tudo vem como magia. É como renovar o sopro da vida.

Sejam felizes comigo, como sempre serei com quem quer que seja, e juntos, por mais que a vida tem a nos ensinar, a cada chicotada que recebermos, seremos fortes a ponto de jamais cairmos e desistirmos.

Eu, você, qualquer um tem o direito sim dessa felicidade que estou sentindo. Pode ser que jamais venha, assim como por anos acreditei, mas, de repente aconteceu, e agora, posso afirmar que tenho alguém, que é todo o meu querer.

Outros sonhos ainda existem e a todos eles irei realizar, por mais difíceis que sejam, pois desistir de um sonho é um pedaço de seu futuro que deixa de existir. Essa não é uma frase minha, mas sim de um idealizador, um gênio que infelizmente não está mais entre nós: Steve Jobs. Ele nos deixou uma grande lição: jamais acreditar que somos fracos. E tendo a certeza de sermos muito mais do que somos, nossas vidas nos reservam grandes conquistas e muitas vitórias.