O Despertar da Força

Por paulohenrique

Não vou falar do filme Star Wars que assisti ontem, o qual ainda é para mim, Star Wars.

Quando criança, até minha juventude, fui herdeiro de bom gosto musical, através de um médico que trabalhou aqui. Era praticamente uma verdadeira enciclopédia humana, pude conhecer tudo desse mundo que habitamos com ele. Apaixonado por música clássica, Dr. José Maria, além de pediatra, era um pianista.

Contava histórias de clássicos compositores que tinha em sua memória, tinha grande conhecimento de cada um. Além de dizer nascimento e morte desses músicos, ele sabia detalhes de todas as composições.

O mais fascinante era perceber a diferença entre maestros conhecidos mundialmente quando regiam a mesma música. A sensibilidade de cada um era nítida aos meus ouvidos.

Eu gostava muito mais de ouvir Bolero de Ravel regida pelo maestro Austríaco Herbert Von Karajan do que a versão com o maestro Americano Leonard Bernstein. Com Karajan a música era mais forte e harmoniosamente intensa.

Amo demais música instrumental, apesar de bem pouco eu ter guardado em minha memória todos os ensinamentos do Dr. José Maria. O pouco que conheço, porém, é sagrado, a ponto de hoje eu ter um extremo gosto musical. Sou apaixonado pela música instrumental, tenho uma grande coleção de trilhas sonoras e sei muito bem perceber a maneira de compor de cada compositor que fazem a cada filme, a mais excelente obra.

Quando uma sequência de filmes do mesmo enredo é dirigido um por um mesmo diretor, e, de repente, passa nas mãos de outros, a diferença é marcante.

Essa era minha preocupação com o novo Star Wars. Desde que a Lucas Arts foi comprada pela Disney e que Episódio VII seria dirigido por um outro diretor, tive receio de que algo nada legal estaria por vir, mas, podem ter a certeza de que estou extremamente errado. Star Wars Episódio VII O Despertar da Força, ainda é Star Wars, e bem melhor que qualquer um possa imaginar.

O poder da força está em nós...

Mas, como dito acima, não quero falar do filme, e sim, de como foi para que eu conseguisse assistir no cinema.

Minha primeira vez no cinema, foi em 1996, com um filme que para mim se tornou um clássico, Independence Day. A partir desse momento não quis mais parar, tornei-me um verdadeiro rato de cinema, assistindo a todos os filmes que estavam em cartaz. Mas, infelizmente, nada dura para sempre. Em 2008, o último filme que ví foi O Seqüestro do Metrô 123, dirigido pelo irmão do diretor Ridley Scott, Tony, que se matou em 2012.

Não tendo mais condição de ir para a cadeira de rodas, minhas saídas foram cada vez mais se distanciando. Com as dificuldades cada vez mais presentes, minhas tardes nos cinemas não eram mais frequentes.

Este ano, marcado pela continuação da maravilhosa obra de George Lucas, me deu a vontade de ir ao cinema para assisti-lo, mas eu tinha noção que não seria tão simples.

Para que esse meu sonho fosse realizado, escrevi uma carta para a Disney, expressando esse meu grande desejo. Semanas antes do filme, meu quarto é invadido por legionários da 501ST Legions, que disseram que fui convidado para assistir a estreia de Star Wars Episódio 7 O Despertar da Força. Naquele momento foi bem difícil conter tanta alegria.

Eu os quero sempre comigo agora. Receber o amor e carinho por pessoas tão especiais, faz de mim um ser abençoado. A Luz do Divino paira sobre mim, onde quer que eu vá. Na certeza também de que essa Luz é dada a todos aqueles que promovem o amor, em Nome do Altíssimo.

Não há palavras para expressar meu tão forte agradecimento a todos aqueles que ontem estavam ao meu redor. Momentos antes de dormir cada um de vocês esteve em minha oração, para que toda a Glória e Majestade de Nosso Senhor Jesus Cristo seja dada a todos.

Na chegada ao Shopping Eldorado fui extremamente bem vindo, me levaram até o andar do Cinemark, onde um dos gerentes que infelizmente não lembro seu nome, me dedica grande simpatia.

Antes de começar o filme levaram-me para dar uma volta. Entre muitos fans de Star Wars pude sentir a felicidade preencher minha alma. Um momento muito especial foi quando encontrei Papai Noel, que saiu de seu trono ao meu encontro. Disse a ele que o presente que tanto quero ganhar é que o mundo seja amado. Apesar de eu estar em uma maca, senti-me no colo do bom velhinho que me dedicou completo amor.

Minutos depois, diante da entrada da sala de exibição, eu saboreava uma pipoca deliciosamente amanteigada, na ansiedade de ver o filme que eu tanto esperava.
Mais alguns minutos, fui levado para dentro e minha maior surpresa, foi ver a imensa tela que estava em minha frente. Jamais tinha visto algo assim, onde meus olhos se encheram de tanto enquanto.

 

pnoel

 

10559298_1091351534211150_1233408540_n

12391329_1091529877526649_6623246657532914009_n

Durante o filme desejava que o tempo passasse mais lentamente e que o mundo que estava passando em minha frente fosse realmente verdadeiro. Queria que a clássica frase “Há muito tempo, em uma galáxia muito distante” e toda sensação que meus olhos testemunharam estivesse acontecendo.

A satisfação grandiosa quando termina o filme, é muito intensa.

Depois que as luzes se acendem, sou retirado da sala, onde vou de encontro com centenas de fans da saga, onde seus sabres, mostram imensa paixão.

Fui testemunha de momentos encantadores, os flashes de máquinas fotográficas eternizam exposições marcantes. Estar no meio dos apaixonados por Star Wars para mim é ter a certeza de um mundo perfeito. Fui testemunha também, de casais que se rendem ao desejo humano e se beijam intensamente. Fui testemunha do amor, que mesmo aqueles que não passaram por mim, são pessoas abençoadas.

fans

 

amidala

 

Realmente, a força despertou de uma maneira que jamais devemos duvidar de nossas capacidades, onde somos muito mais do que imaginamos ser.

Muito obrigado aos meus amigos e irmãos, Jecilene, a enfermeira que cuidou de mim, Abrão, quem me ajudou muito e me ofertou grandes risadas e André, onde com seu dom, fez fotos expressivas e muito emocionantes.

Muito obrigado meus amigos, por tudo que puderam me dar.

Muito obrigado a todas as empresas envolvidas, que dedicaram extrema atenção e carinho, para que este meu sonho fosse realizado. Muito obrigado a 501ST Legions, os quais diante de mim, são mestres, e que me torno um verdadeiro Padawan, pois ainda tenho muito o que aprender.

Muito obrigado e com certeza, que a força esteja com cada um de nós.

stars

Eu amo todos vocês.